Sudoeste

Overmundo

Possivelmente você ainda não assistiu Sudoeste. E nem sabe o que está perdendo… Lançado comercialmente em 2012, é um filme brasileiro premiadíssimo: venceu o Prêmio Andrei Tarkovski no Festival de Zerkalo 2012, na Rússia, os Prêmios de Melhor Filme na opinião da Crítica e do Júri no Festival do Rio em 2012, Prêmios de melhor Atriz (Simone Spoladore) e Melhor Atriz Coadjuvante (Dira Paes), no Cinema Brasil Grand Prize 2013, em Petrópolis, RJ, Prêmio Melhor Contribuição Artística, no Festival do Filme de Havana 2011 e por aí vai.

sudoeste1Só tomei conhecimento de Sudoeste na semana passada, quase que por acaso, quando foi exibido na TV Brasil. Foram duas horas e dez minutos de encantamento e admiração. A história de Clarice, que nasce, cresce, envelhece e morre no mesmo dia, em um vilarejo perdido às margens de algum lago salgado na Região dos Lagos fluminense, é hipnótica e fica dramática com a belíssima fotografia em preto e branco e a resolução horizontal e incomum da tela, esticando as paisagens estéreis e os personagens sem futuro.

Um filme para quem gosta de cinema que faça pensar, discutir e se apaixonar. O trailer está logo abaixo e a crítica do Thales de Menezes, editor da Folha Ilustrada pode (e deve) ser lida aqui.

Para os antigos fãs de Tarkovski, uma grande descoberta.

5 comentários em “Sudoeste

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s